sexta-feira, 11 de Abril de 2014

Bolo de Côco e Iogurte para uma Páscoa Feliz


Um bolo que sabe a casa. E que é mais uma variação do eterno bolo de iogurte. Sabe a início de fim-de-semana, a pequenos almoços sem pressa, a café acabado de fazer. Um bolo é amor. Mimos para aqueles a quem queremos bem. Deixo por isso um bolo para preencher uma pausa. Uns dias de férias longe dos meus sítios. Uns dias de descanso para ir procurar mundo. Distante. Carregar baterias que cheguem até ao Verão. Para continuar a ter vontade de fazer mais bolos... Entretanto, uma Páscoa Feliz! 


Ingredientes

1 iogurte grego natural e não açucarado
3 vezes a medida do copo de iogurte de açúcar
3 vezes a medida do copo de iogurte de farinha
2 vezes a medida do copo de iogurte de côco ralado
1 vez a medida do copo de iogurte de óleo 
5 ovos inteiros 
manteiga e farinha para a forma

Preparação

Bater muito bem os ovos com o açúcar. Juntar o iogurte e continuar a bater. Adicionar a farinha, o côco ralado e o óleo e envolver bem. Levar ao forno, sem pré-aquecer, a 170ºC durante 50 minutos. Desenformar ainda quente.

Bom Apetite!


quarta-feira, 9 de Abril de 2014

Domingo Azul e Vermelho



Foi assim que esteve a mesa deste domingo: em tons de azul e vermelho Não apeteceu toalha, apenas elementos dispostos sobre a mesa simples da cozinha. Ainda assim, espelhos, um coral, dois gatos e espreitar. Serviu-se um assado de carne, acompanhou um arroz de favas e chouriço e houve bolo à sobremesa. A tal ideia de se irem celebrando os dias, mesmo que sejam os domingos na cozinha. 


segunda-feira, 7 de Abril de 2014

Macarrão com Tomate e Ovo Escalfado


Final de mais um dia de chuva. Pesado. Tristonho. Nesses dias, massa, ovos e molho de tomate fazem milagres. Cores bonitas servidas num prato para alegrar e confortar. Foi assim com este macarrão com molho de tomate e ovo escalfado. As instruções serão as de servir a massa bem quente, fazer rebentar a gema do ovo e misturar tudo muito bem. Não fica bonito, muito menos fotogénico, mas é delicioso. Só mais uma dica: é preciso pão a acompanhar. Muito ;)


Ingredientes (para 4)

250 gr de macarrão
molho de tomate caseiro
tomatinhos cherry
4 ovos
vinagre
sal e pimenta
folhas de caril

Preparação

Cozer a massa, em água e sal, respeitando as instruções da embalagem. Escorrer e reservar um pouco da água da cozedura. Levar uma caçarola com água ao lume, até ferver, e adicionar um pouco de vinagre. Juntar um ovo e deixar fervilhar (reduzindo o lume) por 3 minutos. Retirar o ovo com uma escumadeira para um recipiente com água gelada.  Repetir o procedimento com os restantes ovos. Temperar com sal e pimenta. Numa frigideira, aquecer o molho de tomate previamente preparado. Adicionar então a massa cozida e, se necessário, um pouco da água da cozedura. Já fora do lume, servir a massa em pratos bonitos, colocar os tomatinhos cherry, a gosto, os ovos escalfados e umas folhinhas de caril. Servir de imediato, com um bom pão a acompanhar.


Bom Apetite!

sexta-feira, 4 de Abril de 2014

Pizza de Anchovas


Mais uma pizza vencedora. Desta vez apetecia-me muito uma pizza de anchovas. Muito simples, com tomate, queijo e azeitonas a acompanhar, nada mais. Ficou uma pizza saborosa e diferente, para um dia preguiçoso passado em casa. 

Ingredientes
Massa de Pizza (Quantidade para 1 pizza familiar - 4 pessoas - ou 4 pizzas pequenas)

350 gr de farinha tipo 55
4,7 gr de fermento de padeiro em pó
1/2 colher de sopa de açúcar
200 ml de água
25 ml de leite magro
30 ml de azeite
3/4 de colher de sopa de sal

Recheio

8 colheres de sopa de molho de tomate
2 frasquinhos com anchovas em conserva
2 punhados de azeitonas pretas descaroçadas
queijo mozzarella ralado

Preparação

Massa de Pizza: Começar por dissolver o fermento na água (tépida) e misturar o açúcar. Na taça da batedeira, com o gancho de pão, colocar a farinha e a água misturada com o fermento e o açúcar. Ligar a batedeira em velocidade reduzida e deixar misturar os ingredientes. Bater por 2 minutos. Juntar então o azeite, o leite e o sal. Bater por mais uns minutos até que todos os ingredientes estejam bem integrados e a massa pareça elástica. Retirar a massa para uma superfície enfarinhada e amassar mais um pouco com as mãos. Formar uma bola, tapar com um pano de cozinha e deixar repousar por 1 hora. Ao fim desse tempo, dividir a massa em várias porções (mais ou menos consoante o tamanho das pizzas pretendidas), formar de novo pequenas bolas de massa e deixar levedar por mais 30 minutos em lugar seco e sem correntes de ar. Pré-aquecer o forno a 275ºC, com o tabuleiro dentro do forno.

Recheio: Preparar o molho de tomate. Barrar a(s) pizza(s) com o molho de tomate, dispor as anchovas e as azeitonas pretas e polvilhar generosamente com queijo mozzarella ralado. 

Retirar o tabuleiro do forno e colocar a pizza. Levar a(s) pizza(s) ao forno por 5 a 10 minutos, ou até que fique(m) bem tostada(s). Retirar do forno e servir de imediato.

Bom Apetite!


quarta-feira, 2 de Abril de 2014

Quando Precisamos.





Ter um amigo é saber que quando precisamos ele está lá. Ou nos leva até ele, como foi o caso. O convite inicial até tinha sido o inverso. Era para virem. Mas a minha amiga foi mais generosa. Percebeu que talvez eu precisasse mais de ir. De comer comida feita por ela. De ser alimentada. Corpo e alma. E foi assim que aconteceu. Ao chegar, aquela sensação de sempre. Sermos recebidos sob a forma de abraços repetidos e mimos numa mesa. Bôla, chutney de manga e lascas de queijo, uma sopa quente. Carne que demorou a assar no forno e um arroz de cebola vermelha a acompanhar. À sobremesa, ananás assado com tomilho, pão-de-ló e morangos. É quando precisamos que notamos ainda mais. Como é bom, ter um amigo!...




segunda-feira, 31 de Março de 2014

Sopa de Agrião e Louro com Hortelã



Esta é uma história de um acaso feliz. Como a de coincidir com alguém ou com alguma coisa que faça sentido. A sopa de agrião ganhou vida com este pormenor. O acaso de no cabaz desta semana terem vindo umas hastes de hortelã juntamente com um molho de agriões. Umas folhas de hortelã muito frescas, que espevitaram os sabores desta sopa já de si tão saborosa. Passou a ser uma das sopas favoritas cá da casa!

Ingredientes

2 cebolas

1 batata (usei 3 pequenas)
1/2 courgette
2 cenouras
1 pedaço de abóbora
1 nabo
1 folha de louro
azeite, sal
1 molho de agriões
folhinhas de hortelã

Preparação

Refogar a cebola picada num pouco de azeite. Ao fim de uns minutos, juntar a cenoura às rodelas e o nabo partido em cubinhos. Deixar suar mais um pouco. Colocar então os restantes legumes (com a excepção dos agriões), partidos em pedaços pequenos e cobrir com a água suficiente para os tapar. Colocar a folha do louro e deixar cozer por 40 minutos (retirar a folha de louro ao fim de 20 minutos). Triturar com a varinha mágica e temperar de sal. Levantar de novo o lume, e introduzir os agriões, deixando-os cozer por 5 minutos. Colocar um fio de azeite e servir de imediato, com folhinhas de hortelã fresca.


Bom Apetite!


sexta-feira, 28 de Março de 2014

Empada de Frango à Provençal



Daqui e dali. Queria uma receita de uma empada um pouco diferente. Com inspirações várias daqui e dali, da minha vontade e intuição, fui ligando ingredientes que resultaram muito bem. Uma empada fresca e aromática que ajudou a celebrar as cores da Primavera.

Ingredientes

2 nozes de margarina
3 peitos de frango do campo 

2 cenouras peladas e fatiadas em palitos
3 talos de aipo finamente fatiados
250 gr de cogumelos de Paris

1 cebola
um raminho de salsa
2 colheres de sopa de farinha
1 copo de vinho branco
300 ml de água de cozer o frango

sal e pimenta moída na altura
10 azeitonas gregas
2 embalagens de massa quebrada fresca

Preparação

Cozer o frango num caldo de legumes por 20 minutos. Desfiar e reservar a água da cozedura. Numa caçarola colocar a margarina. Quando começar a ferver, deitar a cebola cortada Às meias luas, a cenoura e o aipo e cozinhar em lume brando por uns minutos. Adicionar os cogumelos fatiados e deixar cozinhar por mais uns 10 minutos. Juntar o frango e mexer bem. Aumentar depois o lume e desfazer a farinha num pouco de água de cozer o frango, adicionando ao preparado e mexendo bem por 2 minutos, envolvendo tudo. De seguida, adicionar o vinho e o restante caldo. Nesta altura, temperar com o sal e a pimenta, manter o lume alto e mexer sempre para não se agarrar ao fundo até o líquido engrossar e reduzir, mas de modo a não secar. Fora do lume, juntar as azeitonas descaroçadas e partidas aos pedaços, rectificar os temperos e polvilhar com salsa picada. Num refractário de tarte colocar uma base de massa quebrada, depois o recheio, acamar bem e cobrir com a outra massa quebrada, unindo bem os bordos para não abrir. Vai ao forno previamente aquecido, a 180ºC, cerca de 20 a 25 minutos, ou até ficar douradinha. 

Bom Apetite!